Fortaleza do Cabo de São Vicente - detalhe

Designação

Designação

Fortaleza do Cabo de São Vicente

Outras Designações

Antigo Convento do Corvo

Categoria / Tipologia

Arquitectura Militar / Fortaleza

Inventário Temático

-

Localização

Divisão Administrativa

Faro / Vila do Bispo / Sagres

Endereço / Local

- Cabo de São Vicente
-

Proteção

Situação Actual

Classificado

Categoria de Protecção

Classificado como IIP - Imóvel de Interesse Público

Cronologia

Decreto n.º 44 075, DG, I Série, n.º 281, de 5-12-1961 (ver Decreto)

ZEP

Portaria n.º 469/87, DR, I Série, n.º 128, de 4-06-1987 (revogou a portaria anterior, repondo a delimitação de 1962) (ver Portaria)
Portaria n.º 550/86, DR, I Série, n.º 221, de 25-09-1986 (rectificou a delimitação constante da portaria anterior) (ver Portaria)
Portaria publicada no DG, II Série, n.º 128, de 30-05-1962

Zona "non aedificandi"

Portaria publicada no DG, II Série, n.º 128, de 30-05-1962

Abrangido em ZEP ou ZP

Sim

Abrangido por outra classificação

Não

Património Mundial

-

Descrições

Nota Histórico-Artistica

Local fundamental na defesa costeira do Algarve, devido à sua proximidade com o Norte de África, o extremo sudoeste da costa portuguesa era, desde meados do século IV lugar de devoção e peregrinação para muitos cristãos peninsulares, que até aí se deslocavam em romaria para visitar o túmulo de São Vicente.
O templo onde o túmulo do mártir se encontrava depositado foi destruído pelas tropas muçulmanas no século XII, e na época o corpo de São Vicente foi trasladado para Lisboa por ordem de D. Afonso Henriques. Na centúria seguinte, cerca de 1279, D. Dinis transformou o espaço desta igreja num cenóbio, conhecido como Convento do Corvo.
A zona do cabo onde se situava esta comunidade conventual era, no entanto, fundamental para a defesa do sul da costa atlântica, e a sua importância estratégica cresceu com a ocupação portuguesa das praças africanas ao longo do século XV. Assim, cerca de 1508 o bispo de Silves, D. Fernando Coutinho, mandou erguer no local as primeiras casas que serviram para assegurar a defesa do cabo, doadas aos frades do Corvo. Mais tarde. D. João III mandou levantar no local uma fortaleza, cuja obra foi terminada no reinado de D. Sebastião (COUTINHO, Valdemar, 1997, p. 161).
No entanto, a fortaleza quinhentista seria destruída por Sir Francis Drake, corsário inglês que em 1587 assolou a costa mediterrânica da Península Ibérica e atacou as fortificações da região de Sagres. Parte da estrutura actualmente existentes resulta da reedificação levada a cabo em 1606 por ordem de Filipe III de Espanha.
Implantada sobre o cabo de São Vicente, a fortaleza desenvolve-se em planta poligonal, com um baluarte voltado a terra e duas entradas na praça forte, a principal rasgada em arco pleno na face da muralha, encimada pelo escudo de Portugal, e uma de menores dimensões, aberta lateralmente.
No interior da praça ainda subsistem algumas dependências da fortaleza, abobadadas em canhão e encimadas por terraços, e os espaços do antigo Convento do Corvo foram substituídos por construções edificadas o início do século XX, que servem de apoio ao farol instalado na fortaleza em 1904.
Catarina Oliveira
GIF/IPPAR/2005

Imagens

Bibliografia

Título

"Corografia ou memoria economica, estadistica, e topografica do reino do Algarve"

Local

Lisboa

Data

1841

Autor(es)

LOPES, João Baptista da Silva

Título

"Castelos, fortalezas e torres da região do Algarve"

Local

Faro

Data

1997

Autor(es)

COUTINHO, Valdemar

Título

"Roteiro dos Monumentos Militares Portugueses"

Local

Lisboa

Data

1948

Autor(es)

ALMEIDA, João de

Título

"Levantamento Arqueologico do Algarve - concelho de Vila do Bispo"

Local

Faro

Data

1987

Autor(es)

GOMES, Mário Varela, SILVA, Carlos Manuel Lindo Tavares da

Título

"A cidade e o termo de Lagos no período dos reis Filipes"

Local

Lagos

Data

1994

Autor(es)

CORRÊA, Fernando Cecílio Calapez

Título

"Aspectos do reino do Algarve nos séculos XVI e XVII: a descrição de Alexandre Massaii (1621)"

Local

Lisboa

Data

1988

Autor(es)

GUEDES, Lívio da Costa

Título

"Algarve - Castelos, Cercas e Fortalezas"

Local

Faro

Data

2008

Autor(es)

MAGALHÃES, Natércia