Saltar para o conteúdo principal da página

Museu Nacional do Teatro e da Dança

O Museu Nacional do Teatro e da Dança é uma instituição de referência na museologia e na História das Artes do Espetáculo em Portugal, contando atualmente com mais de 300.000 espécies no seu acervo. A exposição permanente “Peças de Teatro. As coleções do Museu” inclui peças das mais diversas origens, trajos de cena criados e desenhados por artistas como Almada Negreiros ou Paula Rego, trajos e adereços usados em palco por Amália Rodrigues, figurinos originais desenhados por Maria Keil, Bernardo Marques, Mário Cesariny ou Pedro Calapez, maquetas de cenário concebidas por Carlos Botelho, Jorge Barradas ou José Pacheco, retratos e esculturas originais de gente do teatro pintados ou esculpidos por Columbano, Tagarro ou Soares dos Reis e muitos outros objetos e documentos que representam uma parte significativa da História do Teatro e das Artes do Espetáculo em Portugal.

O Museu Nacional do Teatro, oficialmente criado em 1982, designado Museu Nacional do Teatro e da Dança desde Janeiro de 2015, encontra-se instalado no Palácio do Monteiro-Mor, situado no Parque homónimo, um edifício do século XVIII, adquirido pelo Estado Português, que após um incêndio foi totalmente reconstruído para este efeito. Inicialmente concebido e dedicado, em exclusivo, à apresentação de exposições temporárias, em 2003 foi inaugurada no edifício principal a primeira exposição de carácter permanente, “Peças de Teatro: as coleções do Museu”. Na Galeria situada no edifício fronteiro à Receção/Loja são apresentadas exposições temporárias dedicadas a todos os aspetos que intervêm nas Artes do Espetáculo. No edifício principal do Museu está instalada a Biblioteca, também dedicada em exclusivo às artes do espetáculo, com cerca de 35.000 volumes, considerada a mais vasta e completa neste domínio, em Portugal.

Conteúdos editados pela DDCI.

Contactos e
Localização

Tutela:
DGPC
Director(a):
José Carlos Alvarez
Endereço:
Estrada do Lumiar, 10 1600-495 Lisboa
GPS:
Lat: 38,774799929478505 Long: -9,166753859524533
Telf(s):
+ 351 217 567 410/19
Fax(s):
+ 351 217 575 714
E-mail:
geral@mnteatroedanca.dgpc.pt
Site:
http://www.museudoteatroedanca.pt/

Autocarros urbanos: 703
Metro: Lumiar (linha amarela)

Estacionamento: Próximo do museu.

Acessibilidade: O Museu dispõe de rampas; elevador; instalações sanitárias adaptadas a visitantes com cadeira de rodas.

Terça-feira a domingo, das 10h00-18h00 (última entrada às 17h30).

Encerrado: Segunda-feira, 1 de janeiro, domingo de Páscoa, 1 de maio, 13 de junho, 24 e 25 de dezembro.

Ingresso

Bilhete normal: 4,00 €

Bilhética geral DGPC - consulte aqui

Bilhética on-line DGPC - adquira aqui

Condições de ingressos no Museus e Monumentos da DGPC (despacho nº 6475/2014) - consulte aqui

Isenções:

1º Domingo de cada mês. Exclusivo para visitas individuais e pequenos grupos.
Todos os elementos de grupos superiores a 12 pessoas pagam bilhete.
Crianças e jovens até aos 12 anos inclusivé*
Visitantes em situação de desemprego residentes na União Europeia*
Visitantes com mobilidade reduzida (60% de incapacidade comprovada documentalmente) e 1 acompanhante.
Membros do ICOM, ICOMOS e APOM
Investigadores, /conservadores/restauradores, profissionais de museologia e/ou património em exercício de funções *
Associações culturais (Exclusivamente grupos de amigos de museus, monumentos, palácios, castelos e sítios arqueológicos)*
Voluntários em exercício na Direção-Geral do Património Cultural e 1 acompanhante*
Jornadas Europeias do Património (Domingo)
Dia Internacional dos Monumentos e Sítios - 18 de Abril (Exclusivamente para os Monumentos sob tutela da DGPC)
Dia Internacional dos Museus - 18 de Maio (Exclusivamente para os museus e palácios sob a tutela da DGPC)
Noite dos Museus e 5ªas á Noite (No acesso às atividades organizadas no âmbito do respetivo programa organizado pela DGPC)
Profissionais de atividade turística mediante apresentação de comprovativo de registo no RNAAT
Jornalistas em exercício de funções* mediante comunicação prévia
Funcionários da DGPC* e 3 acompanhantes
Professores e alunos de qualquer grau de ensino, incluindo Universidades Sénior ou de 3ª Idade, quando comprovadamente em visita de estudo e mediante marcação prévia confirmada pela Direção do SD*
Funcionários da DGPC* e 3 acompanhantes
Grupos credenciados de Instituições Portuguesas de Solidariedade Social ou de Áreas de Ação Social de Autarquias ou outras Instituições de Interesse Público mediante autorização prévia da Direção da DGPC

* Mediante comprovação documental.

Descontos:

Visitantes com idade igual ou superior a 65 anos* - 50%
Cartão de estudante não enquadrado em visita de estudo - 50%
Cartão Jovem - 50%
Bilhete Família (a partir de 4 elementos com ascendência direta de 1º grau ou equiparado) - 50%
Protocolos com entidades terceiras - 20%
Aquisições superiores a 250 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 7,5%
Aquisições superiores a 500 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 10%
Aquisições superiores a 1000 bilhetes por tipologia e com antecipação mínima de 48h - 15%

* Mediante comprovação documental.

Bilhetes Circuito
Monteiro-Mor: Museu Nacional do Teatro, Museu Nacional do Traje e Parque do Monteiro-Mor - 6,00 €
Lisboa - 8 Museus de Lisboa (Casa-Museu Anastácio Gonçalves + Museu da Música + Museu do Chiado + Museu Nacional de Arte Antiga + Museu Nacional do Azulejo + Museu Nacional do Traje + Museu Nacional do Teatro + Panteão Nacional) - 25,00 €

NORMAS GERAIS
É obrigatória marcação prévia para grupos superiores a 50 pessoas.
Os descontos de quantidade não se aplicam a Bilhetes de Circuito.
Todos os descontos aplicados a bilhetes individuais são aplicáveis a Bilhetes de Circuito e a visitas guiadas com exceção das visitas guiadas fora do horário de funcionamento.
Os vouchers emitidos na aquisição antecipada de bilhetes têm a validade de 1 ano.
Os descontos não são acumuláveis.
É proibido fumar ou comer em qualquer local do circuito de visita.

Através de actividades programadas e orientadas, o Serviço Educativo do Museu Nacional do Teatro promove uma maior aproximação entre as colecções do Museu e os seus visitantes.

Desenvolve acções que incluem o simples acolhimento,  visitas orientadas e pequenas oficinas de expressão dramática, para os mais diversos públicos, sendo estas acções programadas de acordo com as especificidades dos mesmos (grupo etário, grau de escolaridade, objectivo da visita, deficientes). 

Em paralelo, o Serviço Educativo mantém uma actividade permanente, de carácter lúdico/pedagógico, com escolas de todos os graus de ensino e de todo o país.



Contactos /reservas:

Olga Monteiro / Ana Leitão

Tel.: + 351 217 567 410 /9;

E-mail: serviçoseducativos@mnteatroedanca.dgpc.pt

Para saber mais

• Teatrinhos de papel (Gil Vicente, S. João, Sá de Miranda, S. Luís, Dona Maria: Ator Taborda , Opera do Tejo)

• Catálogo das Exposição: Gente do Palco

• A Companhia Rey Colaço Robles Monteiro

• Eunice Munoz. 50 Anos de Vida de Uma Atriz

• O Escaparate de Todas As Artes ou Gil Vicente Visto por Almada Negreiros, Lisboa, IPM, 1993

• O Grande Teatro do Mundo ou Os Clássicos em Lisboa, Lisboa, Lisboa 94/ Milão, Electa, 1994 (esgotado)

• Verde Gaio. Uma Companhia Portuguesa de Bailado (1940-1950), Lisboa, IPM, 1999 • A Revista Modernista, Lisboa, IPM, 2000

• Um Rapaz Chamado Mário Viegas, Lisboa, IPM, 2001

• A Companhia Rey Colaço Robles Monteiro-Correspondência, diversas coleções de postais e desdobráveis

• Roteiro Museu Nacional do Teatro • Álbum de Retratos Beatriz Costa, Lisboa, IMCe BES, 2007

• Rostos e Poses Lisboa, IMC, 2007

• Teatro em Lisboa no tempo de Almeida Garrett

• Teatro em Lisboa na primeira República

• Teatro em Lisboa no Tempo Marquês de Pombal

• A República foi ao Teatro, catálogo da exposição homónima, CCCR, 2010

• O Fado e o Teatro, Lisboa , Catálogo da exposição: DGPC e EGEAC , 2013

Disponíveis em: http://www.museudoteatro.pt/pt-PT/Publica/HighlightList.aspx 

 

Última actualização: 05 Dezembro 2016

Rede Portuguesa de Museus

A Rede Portuguesa de Museus (RPM) é um sistema organizado de museus, baseado na adesão voluntária, configurado de forma progressiva e que visa a descentralização, a mediação, a qualificação e a cooperação entre museus.

A Rede Portuguesa de Museus é composta pelos 146 museus que atualmente a integram. A riqueza do seu universo reside na diversidade de tutelas, de coleções, de espaços e instalações, de atividades educativas e culturais, de modelos de relação com as comunidades e de sistemas de gestão.

+ Monumentos e Museus DGPC